Via Senior: Encontre a Residência Sénior mais Adequada

Podemos ajudá-lo?

Ligue (+351) 211 336 440

Recomendações Alimentares para a Diabetes

Partilhar

A diabetes é uma doença crónica que ocorre quando o corpo não produz insulina suficiente ou não a consegue utilizar. A insulina é uma hormona produzida no pâncreas, necessária para transportar a glicose (açúcar) do sangue para as células do corpo, onde é utilizada para produzir energia. Quando a insulina está em falta, ou não atua adequadamente, os níveis de glicose no sangue sobem, fenómeno ao qual chamamos de hiperglicemia.

Para controlar a glicemia, a Nutrialma® deixa as seguintes recomendações alimentares para a diabetes:
– Mantenha um peso saudável. Caso tenha excesso de peso, deve perdê-lo de forma equilibrada e progressiva.
– Evite jejuns superiores a 3 horas para evitar hipoglicemias. Deve repartir os alimentos ao longo do dia em pequenas refeições.
– Opte pelos hidratos de carbono complexos (variedades integrais de pão, massa, arroz e cereais), uma vez que permitem um melhor controlo glicémico.
– Consuma diariamente hortícolas através de sopas, saladas e legumes.
– Evite o consumo de alimentos ditos “aptos para diabéticos”, sem antes consultar o seu médico e/ou nutricionista. Leia atentamente a lista de ingredientes no rótulo destes produtos e tenha atenção aos edulcorantes como sorbitol, xilitol e manitol.
– Evite o consumo de doces, bolos, rebuçados, produtos de pastelaria e produtos de confeitaria, sumos e refrigerantes.
– Limite o consumo de gorduras, evitando especificamente as gorduras saturadas (manteiga, natas, banha, toucinho, etc.). Dê preferência ao azeite para temperar e cozinhar os alimentos.
– Evite as carnes gordas (carne de vaca para cozer, costeletas, toucinho), preferindo as magras (ex. lombo). Deve ainda preferir as carnes brancas (aves) às vermelhas (vaca, porco, borrego,
cabrito) e tentar consumir peixe pelo menos quatro vezes por semana.
– Poderá consumir ovos como substituto da carne ou do peixe (escalfados, cozidos ou mexidos).
– Aumente o consumo de leguminosas (favas, ervilhas, lentilhas, feijão e grão).
– Evite o sedentarismo. A prática de atividade física melhora a sensibilidade à insulina.
– Mantenha-se hidratado, bebendo cerca de 1,5 a 2L de água por dia. A quantidade ideal será a suficiente para que a urina seja incolor e inodora.

Referências: Sociedade Portuguesa de Diabetologia, 2020

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.
×

Via Senior  - Um Futuro Lado a Lado

×
Ligue-nos 211 336 440